Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Notícias
Início do conteúdo da página

O Departamento de Ciência e Tecnologia Aeroespacial (DCTA) realizou, no mês de novembro, o primeiro curso denominado Operational Test & Evaluation (OT&E) da Força Aérea Brasileira (FAB), na Base Aérea de Anápolis (GO). O curso é ministrado por instrutores americanos com vasta experiência em OT&E - Operational Test & Evaluation, fundadores do primeiro curso na National Test Pilot School.

O objetivo deste curso é formar as equipes operacionais e logísticas responsáveis pela realização da Avaliação Operacional Contratual (AVOP) do Gripen no Brasil e possibilitar o aprimoramento da doutrina de Avaliação Operacional no âmbito da FAB. Estão sendo capacitados 12 militares da área operacional e logística de forma prática por 21 dias. Além disso, a parte teórica do curso foi disponibilizada para 25 militares do Estado-Maior da Aeronáutica (EMAER), Comando de Preparo (COMPREP), Comando-Geral de Apoio (COMGAP). Departamento de Controle do Espaço Aéreo (DECEA) e DCTA com o propósito de elevar o conhecimento atual sobre o processo de Avaliação Operacional e promover o aperfeiçoamento dessa doutrina.

“Tudo isso está sendo muito importante para aprendermos uma metodologia que nos habilitará a fazer essa avaliação com muita propriedade e eficiência. Estamos nos preparando para aplicar esses conhecimentos já no recebimento do F-39 Gripen para, dessa forma, garantirmos para a FAB e para a sociedade brasileira que teremos um produto adequado à realidade e às necessidades de defesa do nosso país. Tudo muito empolgante e que nos deixa com excelentes expectativas pelo que está por vir”, destacou o Tenente-Coronel Aviador Felipe Bombarda Guedes, Gerente Operacional do Gripen.

O DCTA percebeu que existia uma lacuna de capacitação para o pessoal do Comando do COMPREP e COMGAP, responsáveis respectivamente pela validação operacional e logística na AVOP do Gripen. Desta forma, o DCTA, com o apoio do EMAER, coordenou a contratação da empresa estadunidense VECTOR LLC para ministrar o primeiro curso de Operational Test & Evaluation (OT&E) no Brasil. “Para mim foi uma grande satisfação fazer parte desta coordenação, pois esse conhecimento permitirá que o Gripen e qualquer outro novo produto adquirido pela FAB seja validado operacional e logisticamente antes de começar a ser efetivamente utilizado”, concluiu a Tenente-Coronel Engenheira Thais Franchi Cruz, Coordenadora e Fiscal do Contrato do Operational Test & Evaluation.

Para o Coronel Aviador George Luiz Guedes de Oliveira, um dos colaboradores deste projeto, “assim, espera-se realizar testes e avaliações com uma maior integração, proatividade e sinergia entre as equipes técnicas, operacionais e logísticas. A ideia é plantar uma semente que possa germinar no sentido do desenvolvimento operacional da FAB. Se não conhecermos os nossos sistemas na integralidade antes dos conflitos, seremos forçados a aprender depois deles, o que é crítico”, finaliza.Fonte: DCTA, por Tenente Priscila Scarparo

Fotos: Base Aérea de Anápolis

O Departamento de Ciência e Tecnologia Aeroespacial (DCTA) realizou, no dia 21 de novembro, a Cerimônia Militar Alusiva à Transmissão de Cargo de Comandante do Grupo de Saúde de São José dos Campos (GSAU-SJ), do Tenente-Coronel Médico Rildo Rinaldo de Andrade ao Tenente-Coronel Médico Luciano Martins Moreira. A solenidade militar, foi presidida pelo Diretor de Saúde da Aeronáutica (DIRSA), Major-Brigadeiro Médico Cloer Vescia Alves e o Ato de Transmissão do Cargo pelo Vice-Diretor do DCTA, Major-Brigadeiro do Ar Mauro Bellintani.

Durante seu discurso de despedida, o Tenente-Coronel Rildo agradeceu o apoio prestado pelo efetivo do GSAU-SJ e ao DCTA pela confiança em tê-lo no cargo. “Vivendo esse ciclo de acolhidas e despedidas, encerro um capítulo distintamente marcante da minha vida pessoal e profissional, muito rico em experiências, iniciado há cerca de dois anos, quando da minha designação para o cargo de comandante do então Esquadrão de Saúde de São José dos Campos (ES-SJ). Entrego ao Tenente-Coronel Luciano, meu sucessor, um GSAU pronto para o combate, alinhado às metas institucionais da Força Aérea e da Diretoria de Saúde, e em franca evolução”, finalizou.

O Vice-Diretor do DCTA, Major-Brigadeiro Bellintani, ressaltou as atividades realizadas do Tenente-Coronel Rildo durante os vinte e dois meses de comando. “Muitas foram as sementes plantadas durante sua gestão e estas melhorias contribuirão, sobremaneira, para que o nosso sistema de saúde seja reconhecido pela Força e seus usuários como um Serviço de Saúde de Excelência”, destacou o Vice-Diretor.

O Diretor de Saúde da Aeronáutica pontuou que “localizado no maior complexo aeroespacial da América Latina, o Grupo de Saúde de São José dos Campos, alinhado com os valores da Força Aérea e das Organizações Militares (OM) às quais está subordinado, prioriza uma assistência de qualidade, promovendo cuidados de saúde à Guarnição de Aeronáutica da região”, destacou o Major-Brigadeiro Cloer.


Fonte: DCTA, por Tenente Priscila Scarparo

Fotos: GAP-SJ, por Tenente Daniela Camargos

O Departamento de Ciência e Tecnologia Aeroespacial (DCTA) realizou, nos dias 10 e 11 de novembro, o workshop sobre Sistemas de Navegação Inercial. A abertura do seminário aconteceu no Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA), no Prédio da Engenharia Civil e foi presidida pelo Reitor do ITA, Professor Doutor Anderson Ribeiro Correia, pelo Chefe do Subdepartamento Técnico do DCTA, Brigadeiro Engenheiro Luciano Valentim Rechiuti e pelo Diretor do Departamento de Ciência, Tecnologia e Inovação da Secretaria de Produtos da Defesa (DECTI/SEPROD) General de Brigada Carlos Eduardo da Mota Góes.

Na ocasião, estiveram presentes o Diretor do Instituto de Aeronáutica e Espaço (IAE), Brigadeiro Frederico Casarino, entre outros militares e civis da Marinha do Brasil (MB), Exército Brasileiro (EB) e da Forca Aérea Brasileira (FAB).

Um sistema de navegação inercial é um sistema autônomo que usa sensores e equipamentos para calcular de forma precisa e continua a posição, a orientação e a velocidade de um objeto sem a necessidade de outras formas de navegação como o sistema de posicionamento global (GPS). Ele pode ser usado em ambiente espacial, terrestre ou aquático para calcular trajetórias com variações mínimas, o que torna atraente o uso dessa tecnologia para a aplicação aeroespacial.

O objetivo deste evento permitiu realizar uma reunião entre os principais stakeholders das suas respectivas áreas, de maneira a ampliar o debate e a interação e antever iniciativas e soluções que permitem alcançar, de maneira sólida e célere os objetivos delineados para as áreas de Defesa relacionada com os Sistemas de Navegação Inercial.

Para o Coronel La Sagra, responsável pela organização no DCTA, “este workshop serviu para abrilhantar os trabalhos de pesquisa e desenvolvimento executados nas Instituições Científica Tecnológica e de Inovação (ICT) do DCTA, nesta área tão crítica e importante para a Ciência e Tecnologia Aeroespacial, pois esses sistemas inerciais são os cérebros dos veículos lançadores de satélites, essenciais para a expansão do Programa Espacial Brasileiro. Além disso, a interação com os projetos similares das outras Forças Armadas e a possibilidade de troca de experiência e potenciais pesquisas conjuntas somente demonstra a importância e o valor da iniciativa”, finaliza.

Fonte: DCTA, por Tenente Priscila Scarparo

Fotos: ITA, por Sargento Roberto

 

 

 

 

No dia 05 de novembro de 2022, os céus de São José dos Campos foram marcados pela fumaça dos aviões da Força Aérea Brasileira (FAB)

O Show Aéreo, promovido pelo Departamento de Ciência e Tecnologia Aeroespacial (DCTA) e pela Prefeitura Municipal de São José dos Campos, foi realizado no Mirante Anchieta, no Banhado, contando com a participação de 7 aeronaves A-29 Super-Tucano.

Na ocasião, estiveram presentes o Diretor-Geral do DCTA, Tenente-Brigadeiro do Ar Maurício Augusto Silveira de Medeiros e o Prefeito de São José dos Campos, Anderson Farias, além de demais Oficiais-Generais.

“Aos sete anos de idade, quando eu vi a Esquadrilha da Fumaça pela primeira vez, na cidade onde nasci (Montes Claros - MG), fiquei fascinado e esse fato me inspirou a entrar para a Força Aérea Brasileira. Trazer a Esquadrilha da Fumaça para fazer uma demonstração em São José dos Campos, depois de dois anos de pandemia, é uma forma de agradecermos a tudo o que a cidade tem feito por nós, por mais de 70 anos, recebendo tão bem os militares e servidores civis do DCTA. Com esse evento, encerramos com sucesso todas as comemorações do mês da asa, celebrando o Dia do Aviador, o Dia da Engenharia e o Dia do Servidor Público”, pontuou o Brigadeiro Medeiros.

Em 2022, a Esquadrilha da Fumaça completou 70 anos, somando quase quatro mil apresentações no Brasil e no mundo, encantando crianças e adultos.

O pequeno Bruno dos Santos Saldanha, de sete anos de idade, não piscava os olhos durante a exibição: “Achei a Esquadrilha sensacional. O que eu mais gostei foi ver os aviões de cabeça para baixo”, comentou.

Os adultos também marcaram presença: “Assistir à essa linda apresentação com toda a família é um privilégio, pois além de ser algo que contagia e emociona, também reforça o nosso sentimento de patriotismo”, finaliza Marcelo de Morais Domingos.

Esta foi a 30ª apresentação em São José dos Campos, que teve como objetivo celebrar datas importantes comemoradas nos últimos meses.

“Assistir a um show como este no Banhado, nosso cartão postal, e ainda com essa bela paisagem, é algo muito gratificante. Agradecemos ao DCTA por nos proporcionar este espetáculo”, concluiu o Prefeito Anderson Farias.

Fonte: DCTA, por Ten Carolina Redlich e Ten Priscila Scarparo

Imagens: GAP-SJ, Ten Daniela e Sgt Neves

O Departamento de Ciência e Tecnologia Aeroespacial (DCTA) realizou, no período de 16 a 18 de novembro, em São José dos Campos (SP), o Curso de Introdução à Gestão da Inovação (CIGI). A abertura do curso aconteceu no Memorial Aeroespacial Brasileiro (MAB), e contou com a presença do Coronel Aviador R/1 César Augusto Laboissiere, Chefe do Núcleo de Gestão da Inovação (NGI) e o Coronel Ivandilson Diniz Soares, Adjunto da Divisão de Capacitação e Ensino (DCE). O curso foi ministrado no Instituto de Controle do Espaço Aéreo (ICEA).

O curso de Introdução à Gestão da Inovação, com carga horária de 20 horas, é desenvolvido pelo DCTA, por meio do Núcleo de Gestão da Inovação (NGI) para capacitar os recursos humanos do Comando da Aeronáutica (COMAER).

Esse curso se tornará pré-requisito para os demais cursos da Inovação, possibilitando um aumento no nível das competências dos recursos humanos em suas atuações ligadas à Inovação Tecnológica das Instituições de Ciência, Tecnologia e Inovação (ICT), além de motivar a continuidade na trilha de ensino apoiada pelo Núcleo de Gestão da Inovação, que atua como Núcleo de Inovação Tecnológica (NIT) em favor das 13 ICT do Sistema de Inovação da Aeronáutica (SINAER), tendo o DCTA como Órgão Central.

O objetivo do Curso é disseminar a cultura de inovação entre os militares e servidores do COMAER, especialmente no que se refere à gestão da propriedade intelectual gerada nos projetos de pesquisa, desenvolvimento e inovação (PD&I), buscando capacitá-los para que, durante a execução dos diversos tipos de atividades desempenhadas e nos diversos níveis da estrutura organizacional, podendo assim contribuir para o fortalecimento do processo de inovação em suas respectivas ICT.
“É uma grande satisfação ser uma das instrutoras dessa primeira edição do Curso de Introdução à Gestão da Inovação, pelo fato de o curso fazer parte de uma importante trilha de capacitação divulgada pelo SINAER, pensado para capacitar os recursos humanos do Comando da Aeronáutica (COMAER) e disseminar conhecimento na área de gestão de propriedade intelectual”, destacou a Tenente Priscila Cordeiro, Chefe da Seção de Análise do Portfólio do NGI.

 

Fonte: DCTA, por Tenente Priscila Scarparo

 

Fotos: DCTA, por Cabo J.Alves

O Departamento de Ciência e Tecnologia Aeroespacial (DCTA), entregou, no dia 11 de novembro, cerca de 486 garrafas de água de 500 ml, 30 garrafas de água de 1 litro e várias caixas de chocolates ao Grupo de Assistência à Criança com Câncer (GACC) e para o Grupo de Apoio a Pessoas com Câncer (GAPC), instituições localizadas em São José dos Campos – SP. Foram entregues 300 kilos de alimentos e 20 pacotes de fraldas geriátricas.

As doações fizeram parte da ação solidária que aconteceu no mês de novembro, quando foi promovido o Concerto Sinfônico da Banda de Música do DCTA alusivo ao Dia do Aviador e da Força Aérea Brasileira (FAB), realizado na Igreja da Cidade em SJC.

O GACC é um complexo clínico-sócio-hospitalar, multidisciplinar e especializado para atender crianças e jovens com câncer entre 0 e 19 anos incompletos, em toda a região do Vale do Paraíba, Litoral Norte e Serra da Mantiqueira. É o único em toda a região que possui uma equipe médica e multidisciplinar especializada em oncologia infantojuvenil, além de equipamentos de última geração e excelente estrutura física, sendo referência nacional na qualidade do tratamento realizado.

Os pacientes em tratamento oncológico precisam consumir água constantemente, uma vez que a hidratação ajuda a diminuir a toxidade dos rins e demais órgãos, eliminando assim as substâncias tóxicas oriundas do processo de quimioterapia e radioterapia.

O GAPC é uma entidade sem fins lucrativos que tem como objetivo ajudar os portadores de câncer e suas famílias, fornecendo medicamentos, próteses, fraldas, suplementos alimentares, atendimentos psicológico, fisioterapêutico, nutricional e orientação jurídica, palestras, cursos e orientações sobre recursos e direitos. Tem importantes projetos sociais como o Projeto Prevenir, um ônibus consultório para prevenção de câncer bucal, de pele e de mama.

Para Giovanna Barrios, Relações Públicas do GAPC, “os eventos beneficentes como este realizado pelo DCTA são de extrema importância, pois auxiliam as pessoas em suas necessidades no tratamento, além de dar visibilidade para o Instituto, contribuindo para atrair outros doadores. A ONG só funciona quando a sociedade está junto”, finaliza.

Fonte: DCTA, por Tenente Priscila Scarparo

Fotos: DCTA, por Cabo J. Alves

 

No dia 03 de novembro de 2022, o Departamento de Ciência e Tecnologia Aeroespacial (DCTA) promoveu, por meio de sua Banda de Música, um Concerto Sinfônico alusivo ao Dia do Aviador e da Força Aérea Brasileira.

O evento foi realizado na Igreja da Cidade e presidido pelo Diretor-Geral do DCTA, Tenente-Brigadeiro do Ar Maurício Augusto Silveira de Medeiros, contando com a presença do Prefeito de São José dos Campos, Anderson Farias, além de demais Oficiais Generais e autoridades civis.

“É uma grande alegria prestigiar um evento dessa magnitude, agregando boa música e solidariedade. Agradeço ao DCTA, em nome do povo joseense, por essa oportunidade ímpar”, comentou o Prefeito.

Para participar do Concerto, o público presente contribuiu com alimentos, garrafas de água, fraldas geriátricas e chocolates, arrecadações que serão doadas ao Grupo de Assistência à Criança com Câncer (GACC Vale do Paraíba), ao Grupo de Apoio à Pessoa com Câncer (GAPC) e às agrovilas em Alcântara – MA, onde a Força Aérea Brasileira (FAB) possui um Centro de Lançamento. No total, foram mais de 1700 pessoas presentes, arrecadando cerca de 1.200 quilos de donativos e cerca de 500 garrafas de água.

A noite sinfônica foi abrilhantada com encenações teatrais e um repertório especial, contando com obras eruditas e populares que exaltam períodos onde a participação da FAB foi fundamental para a história do Brasil, além de músicas que resgatam o melhor do nosso cancioneiro.

Um dos momentos mais emocionantes do evento aconteceu durante a homenagem surpresa à Tenente-Coronel Francisca Maria Cruz, integrante da notável turma de 1982, primeira turma de mulheres que ingressaram na FAB, no Centro de Instrução e Adaptação da Aeronáutica (CIAAR), em Belo Horizonte.

Para o Tenente-Brigadeiro Medeiros, “há 40 anos, mulheres como a Tenente-Coronel Francisca estavam fazendo história e, a partir dali, inspirariam mais de 14 mil mulheres que hoje compõem o corpo feminino da FAB, e que, ao longo do caminho, vem vencendo desafios e somando imensuráveis conquistas”, pontuou o Diretor-Geral do DCTA.

“Comemorar as quatro décadas da presença feminina fardada, na FAB, evidencia a maturidade e a sensibilidade do Comando em reconhecer o sucesso da empreitada. Em 1982, quando chegamos tão jovens, profissionais recém-formadas, aos locais de formação militar, no Rio de Janeiro e em Belo Horizonte, tudo acontecia de forma tão inusitada, em um ritmo tão frenético que eu, pessoalmente, não percebia que estava fazendo história. Representar essas mulheres valorosas e pioneiras, além de surpreendente, foi pleno de emoções indizíveis”, contou a Tenente-Coronel Francisca.

Sobre a banda de música do DCTA

A Banda de Música do DCTA foi criada em 1966 e tem a missão de abrilhantar cerimônias militares, contribuir com a formação de pessoal militar e marcialidade da tropa, além de representar a Força Aérea Brasileira junto à sociedade civil. Dentre suas inúmeras apresentações de cunho cultural, destacam-se a participação nos festejos do bicentenário de São José dos Campos e no voo inaugural do Bandeirante, primeira aeronave fabricada no Brasil, pela EMBRAER, em 22 de outubro de 1968.

 

Fonte: DCTA, por Tenente Carolina Redlich

Imagens: DCTA/IFI/IEAv/GAP-SJ

Fim do conteúdo da página